Flacidez

Flacidez cutânea se deve, basicamente, à perda de elementos do tecido conjuntivo, como fibroblastos, colágeno e elastina, diminuindo a firmeza entre células.

 

O declínio das funções deste tecido faz com que as camadas de gordura sob a pele não consigam permanecer uniformes e a degeneração das fibras elásticas, aliada a diminuição da velocidade de troca de oxigenação dos tecidos, provoca desidratação da pele, tendo como resultado o surgimento das rugas ou prégas cutâneas.

 

 

Fatores relacionados ao envelhecimento cutâneo

  • Idade: quanto mais velho o individuo for maior a redução de fibras colágenas;

  • Genética: pessoas de pele clara têm tendência a ter mais flacidez, pois tem menos melanina, fator que ajuda na proteção da pele;

  • Flutuação hormonal;

  • Exposição solar;

  • Variação de peso;

  • Tabagismo.

 

Tratamentos recomendados

  • Radiofrequência;

  • Fototerapia;

  • Microcorrentes;

  • Peeling físico com microesferas de cafeína

  • Argiloterapia;

  • Fluído com composto de colágeno;

  • Hidratação.