Saudação a Lua (variação1)

03.04.2020

 

 Quando alguém ouve a palavra "Yoga", pensa-se logo nas posturas de Hatha Yoga, que as pessoas cada vez mais estão aprendendo e praticando."Yoga" vem do Sanscrito yuj, que significa "unir", significa finalmente unir a alma com Deus, (qualquer que seja o "Deus" que você carrega dentro de si).

 

VINYASA YOGA

 

Vinyasa, foi pensada como uma prática muito exigente em seu caráter físico, que pode ser bem sucedida em canalizar a hiperatividade dos jovens. Este sistema pode também ser usado para ajudar a acalmar o fluxo de pensamentos na mente, reduzindo o estresse e ensinando personalidades extrovertidas a se tornarem mais introvertidas para consciência dos seus corpos e manutenção do foco durante suas práticas.

 

Este sistema de yoga é caracterizado pela concentração na respiração pranayama sincronizada com movimentos e posturas ásanas. O esforço vem da manutenção da qualidade da respiração de forma que, em movimentos ascendentes, inspira-se e, em movimentos descendentes, expira-se, mantendo a respiração contínua e profunda durante toda a prática. A respiração torna a prática vigorosa e facilita a realização das posturas.

 

Vinyasa Yoga não se trata de competição, rapidez ou flexibilidade, mas consiste na realização de ásanas, que são as posturas e pranayama, que é o controle da respiração sincronizados que surtem efeitos físicos, mentais e espirituais gradativamente.

 

Pela integração das funções da mente, do corpo e da respiração em um único momento, o praticante poderá experiência a verdadeira alegria de uma prática. Cada uma das importantes posturas (asanas) é praticada com muitos e elaborados vinyasas (variações e movimentos). Cada variação é ligada à seguinte por uma sucessão específica de movimentos, todos sincronizados pela respiração.

 

 

SAUDAÇÃO A LUA - Chandra Namaskara 

 

"Como tudo é formado por água (o ser humano por aproximadamente 70%) somos afetados pelas fases da lua. A energia da lua cheia corresponde ao final da inspiração quando a força prana é máxima. É uma força expansiva e direcionada para cima, que nos faz sentir energéticos e emotivos, mas não muito aterrados. A lua nova corresponde ao final da inspiração, quando a força apana é mais forte. Apana é a força de contração, direcionada para baixo que nos faz sentir calmos e aterrados, mas densos e aversos ao esforço físico”.(Tim Miller)

 

Através da prática Chandra Namaskar poderemos nos conectar com a energia lunar, feminina e suas variações, como os ciclos da natureza e suas influências no plano físico e mental.

 

Enquanto na Saudação ao Sol, trabalhamos intensamente o aspecto yang, voltando nossa atenção para fora, revigorando o corpo com o calor do sol e com movimento focados na força, na Saudação a Lua trabalharemos o nosso foco para dentro, alimentando uma sensação de calma e, ao mesmo tempo, buscando nos movimentos uma fluidez diferente, que traga ao corpo leveza, sensualidade, prazer, relaxamento e flexibilidade.

 

VARIAÇÃO 1

 

 

 

1- Tadasana (Postura da Montanha)

 

 

Comece a sequência com Tadasana, encoste as palmas das mãos juntas na frente do seu coração em posição de oração, faça contato entre seus polegares e esterno, faça respirações calmas para preparar e seu corpo. Se você quiser, pode fechar os olhos.

 

 

 

 

 

 

2-  Urdhva Hastasana (Variação da Curvatura Lateral)

 

Quando você estiver pronto ...

INALANDO traga os braços para o lado e para acima de sua cabeça em um movimento fluindo. Entrelace os dedos, apontando os dedos para cima.
EXALANDO, dobre o tronco para a direita, mantendo os pés firmemente no chão.
INALANDO volte ao centro e repita para o lado esquerdo.
EXALANDO solte os braços. Tudo em um movimento.

 

 

3- Utkata Konasana (Postura da Deusa)

 

 INALANDO deixe seus pés bem separados com os dedos ligeiramente apontando para fora.

EXALANDO abaixe seus quadris e dobre os joelhos sobre seus dedos do pé, vindo em uma posição de agachamento. Traga os braços à altura dos ombros para cada lado do corpo, com as palmas voltadas para cima. Dobre os cotovelos para um ângulo de 90 graus, as pontas dos dedos para o teto.

 

 

 

 

4- Pose da estrela

 

 

Para sair desta posição de agachamento, endireitar as pernas em uma inalação e esticar os braços para fora novamente na altura do ombro. Palmas viradas para frente, dedos espalhados. Os pulsos e os pés devem estar um pouco acima um do outro.

 

 

 

 

 

 

5- Utthita Trikonasana (Pose de Triângulo Estendido)

 



Gire seu pé dianteiro, direito um, 90 graus. Dedos do pé apontando para a borda dianteira curta de sua esteira de ioga, gire seus dedos esquerdos ligeiramente à parte dianteira, ambos os tornozelos devem estar alinhados. Na expiração mude o quadril esquerdo para trás e alcance com a mão direita em direção ao seu pé direito. Descanse a mão sobre o tornozelo exterior ou se flexível o suficiente no chão. Abra seu peito, levantando o braço esquerdo para cima, ambos os braços devem estar em uma linha reta para cima.

 

 

6- Parsvottanasana (Pose da pirâmide)

 


INALANDO, abaixe a mão esquerda e vire o tronco para a direita.
EXALANDO dobre para a frente sobre a perna direita, coloque as duas mãos na perna, no pé ou no chão. Veja o que funciona para você e o que é confortável. Mantenha seu pé traseiro plano e firme no chão.

 

 

 

 

7- Anjaneyasana (Postura da Lua Crescente)

 

 INALANDO dobre o joelho direito e coloque as pontas dos dedos de ambas as mãos em cada lado do seu pé direito no chão.

EXALANDO com o pé esquerdo para a parte de trás, mantendo o seu pé direito à frente, certifique-se de alinhar o joelho direito sobre o calcanhar direito, abaixe o joelho esquerdo em direção ao chão, desaperte os dedos dos pés, descanse o topo do seu pé esquerdo e joelho no chão e abra o peito para a frente.

 

 

8- Agachamento Lateral

 

INALANDO coloque ambas as mãos no lado de dentro do seu pé direito, gire sua perna direita para a frente, mas mantenha seu joelho dobrado.
EXALANDO vire os dedos dos pés para a frente, certifique-se de manter a perna esquerda reta e as mãos no chão ou se isso é demais para você, descansar as mãos na coxa direita.

 

 

 

 

 

9- Malasana (Pose da grinalda)

 

 INALANDO venha para uma posição agachada, empurrando os cotovelos contra o interior de seus joelhos, mantenha sua coluna reta e trazer as palmas das mãos em uma posição de oração na frente de seu peito e EXALE.

 

 

 

 

 

 

 

 10- Agachamento lateral



Volte para p agachamento lateral quando for INALAR, coloque as mãos no interior do pé esquerdo e estenda o pé direito.
EXALANDO leve seu peito para o pé esquerdo, faça sua variação, mãos no chão ou em sua coxa.

 

 

 

 

 

 

 

11- Anjaneyasana (Postura da Lua Crescente)

 

 
INALANDO aponte seus dedos dos pés esquerdos para a parte traseira de seu tapete e gire sua perna direita, coloque seu joelho e pé sobre a esteira, abra seu peito.

EXALANDO e coloque as pontas dos dedos no tapete em cada lado do pé esquerdo.

 

 


 

 

12- Parsvottanasana (Pose da pirâmide)

 

Endireite ambas as pernas em uma inalação e enquanto expira dobre seu peito sobre sua perna esquerda, faça sua variação, mãos na perna, pé ou no chão.

 

 

 

 

 

 

 

 

13- Utthita Trikonasana (Pose de Triângulo Estendido)

 

 

INALANDO abra o peito enquanto estende a mão direita para cima, a mão esquerda está na parte externa do seu tornozelo ou chão esquerdo.
EXALE enquanto estiver nesta posição.

 

 

 

 

 

 

 

14- Pose da estrela

 

 

INALANDO levante o peito, estenda os braços, enquanto as palmas estão voltadas para frente e os dedos estão completamente espalhados.

 

 

 

 

 

 

 

 

15- Utkata Konasana (Postura da Deusa)

 

 

 

 

EXALANDO, dobre seus joelhos, abaixe seus quadris em uma posição agachada e dobre seus cotovelos em um ângulo de 90 graus.

 

 

 

 

 

 

 16-  Urdhva Hastasana (Variação da Curvatura Lateral)

 

INALANDO junte as pernas, coloque os dois pés ao lado do outro, traga seus braços para o lado e para cima, entrelaçam os dedos novamente, os dedos indicadores apontando para cima.

EXALANDO dobre para a direita, inspire e volte ao centro, repita para o lado esquerdo enquanto expira e volte ao centro enquanto inspira.Liberte seus braços em uma EXALAÇÃO e faça a Postura Montanha pose ou Tadasana, finalizando a sequência.

 

 

Repita quantas vezes quiser. É sempre importante ter um Instrutor habilitado auxiliando os exercícios.

 

Confira a Formação em Meditação

Curso de Banhos, Ervas, Limpezas e Elementos

Curso de Terapeuta Reiki

 

Curta nossa página no Facebook, e fique por dentro das novidades.

https://www.facebook.com/spa.urbano.derllin/

WhatsApp no link bit.ly/derllin

Aulas de Yoga, maiores informações entre em contato

www.derllin.com.br 

 

 

REFERÊNCIAS:

https://aluadentrodevoce.wordpress.com/2012/11/07/chandra-namaskar-saudacao-a-lua/

http://yogaganapati.blogspot.com.br/2011_08_01_archive.html

Compartilhar no Facebook
Please reload

Posts Em Destaque

Auriculoterapia

16.4.2020

1/10
Please reload

Posts Recentes

3.4.2020

Please reload

Procurar por tags